A banda norueguesa Vorbid concede entrevista exclusiva ao Palco Local. Confira! (English below)

0
767
Banda norueguesa Vorbid (Foto: Vorbid)
Banda norueguesa Vorbid (Foto: Vorbid)

O Palco Local conversou com os integrantes da banda norueguesa Vorbid e eles falaram sobre a música que produzem, sobre a cena na Noruega e sobre seu trabalho em geral. Dê uma olhada e confira.

Palco Local: Digam-nos quem é Vorbid. Apenas seus nomes e o que cada um toca na banda.

Vorbid: Daniel Emanuelsen – Guitarra solo, Michael Eriksen – Guitarra base e vocal, Marcus Gullovsen- Batreria e Jonas Tellefsen – Baixo.

Banda norueguesa Vorbid (Foto: Vorbid)
Banda norueguesa Vorbid (Foto: Vorbid)

Palco Local: Vocês são bastante jovens e igualmente a banda Vorbid é jovem. Podem nos contar como a abnda for formada e como conheceram uns aos outros?

Vorbid: Começou com Michael e Marcus tocando thrash metal do sepultura em 2013. Desde então, alguns membros entraram e sairam, nós estabilizamos a formação com Daniel na guitarra em 2014, ele tocava guitarra em outra banda na qual Michael tocava bateria. e o Jonas iniciou em 2016. Nós nos encontramos principalmente por contatos de amigos e comum e outros músicos.

Palco Local: E quanto ao nome Vorbid, existe uma relação com uma banda brasileira, estou certo? Poderiam nos explicar?

Vorbid: (Risos) Você nos pegou. O Sepultura foi a nossa maior influência durante os primeiros meses de banda. Então, naturalmente, nosso nome de banda seria Morbid Visions. Depois de um tempo decidimos que nosso nome de banda não poderia ser o mesmo que o álbum de estréia do Sepultura, então substituímos o M em Morbid com o V de Visions e e chegamos a Vorbid.

Palco Local: E sobre o estilo, como você se auto definem dentro do metal?

Vorbid: Como a maioria das bandas, queremos nos definir com uma dúzia de subgêneros com metal no final, mas para ser justo, somos Thrash Metal. Nós nos chamamos de Progressive Thrash, mas para ser sincero, o material que lançamos (nosso EP) não é totalmente prog, com algumas partes melódicas limpas e alguns 15/8 e 7/8, embora você vai ouvir muitos elementos progressivos em nosso próximo álbum (entrando no estúdio em abril). O material que fizemos para o álbum é mais colorido pelo rock progressivo dos anos 70, pois esta é a música que mais ouvimos (Rush, King Crimson, Camel, Genesis e assim por diante).

Palco Local: A banda Vorbid é da Noruega. É fácil ser reconhecido pelo público tocando metal em seu país?

Vorbid: Se você souber dar as cartadas e conhecer as pessoas certas, você pode chegar longe. Mas você não pode apenas tocar em seu pub local e esperar chegar a algum lugar, você precisa conseguir shows fora de sua cidade natal.

Palco Local: Como é a cena do metal em seu país? É um estilo forte na Noruega?

Vorbid: Muito escasso. Existem três boas bandas de metal em nossa cidade natal, e tocamos três diferentes subgêneros de metal. Thrash metal não é uma grande coisa na Noruega, mas acreditamos que se você toca música, você toca bem e não importa qual é o gênero, as pessoas vão curtir.

Palco Local: Quais materiais já foram lançados pela Vorbid?

Vorbid: Nós lançamos nosso primeiro oficial “alguma coisa” em agosto de 2016, um EP autotitulado que você pode encontrar no Spotify, Tidal e iTunes ou pedir a partir de nosso facebook ou por e-mail. Nós também gravamos algumas demos em 2015. Nas demos são três músicas que você pode encontrar no nosso canal no youtube, embora eu acho que uma das músicas foi removida por causa dos direitos autorais (yeah, eu não entendo ele (Youtube)).

Banda norueguesa Vorbid (Foto: Vorbid)
Banda norueguesa Vorbid (Foto: Vorbid)

Palco Local: Vocês já tocaram fora da Noruega? Vocês pensam ou gostariam de tocar no Brasil?

Vorbid:  Adoraríamos tocar no Brasil, mas não tocamos fora da Noruega ainda. Dê-nos um tempo de um ou dois anos.

Palco Local: De que forma as pessoas podem encontrar a Vorbid? Redes sociais e outras coisas…

Vorbid:

Facebook: https://www.facebook.com/Vorbidband/
Youtube: https://www.youtube.com/user/VorbidOfficial
Spotify: https://open.spotify.com/album/4VYjgIzkRxtwPJQ7tMh392

(English version below)

The Norwegian band Vorbid grants an exclusive interview to the Palco Local. Check it!

Palco Local talked with members of the Norwegian band Vorbid and they talked about the music they produce, about the scene in Norway and about their work in general. Take a look and check it out.

Palco Local: Tell us who are Vorbid. Just names and what each one plays at the band.

Vorbid: Daniel Emanuelsen – Lead guitar, Michael Eriksen – Rhythm guitar and vocals, Marcus Gullovsen – Drums and Jonas Tellefsen – Bass.

Palco Local: You guys looks so young, also Vorbid is so young. Can you tell how was formed and how you knew each other?

Vorbid: It started with Michael and Marcus jamming out sepultura-esque thrash metal in 2013. Since then a few members have come and gone but we settled with Daniel on lead guitar in 2014 when he played guitar in another band Michael played drums in. And with Jonas early 2016. We got in touch mostly from mutual friends and musicians

Palco Local: What about the name Vorbid, there is something related with a brazilian band, am I right? Could you explain it?

Vorbid: (laughing) You got us. Sepultura was our biggest influence during our first couple of months as a band. So naturally our band-name was gonna be Morbid Visions. After a while we decided that our band name couldn’t be the same as Sepulturas debut album, so we substituted the M in Morbid with the V from Visions and there you got it: Vorbid.

Palco Local: And about the style, how you guys self-defined inside the metal?

Vorbid: As most bands we want to praise ourselves with a dozen of subgenres with -metal at the end but to be fair, as of now, we’re Thrash Metal. We call ourselves Progressive Thrash, but to be fair, the stuff we’ve released (our EP) isn’t all that prog apart for a few melodic clean parts and some 15/8 and 7/8. Although you’re gonna be hearing a lot more progressive elements on our upcoming album (heading for the studio by April). The material we’ve made for the album is more coloured by the prog rock of the 70s, as this is the music we listen the most to (Rush, King Crimson, Camel, Genesis and so on).

Palco Local: Vorbid is from Norway. Is it easy to be recognized by the public playing metal in your country?

Vorbid: If you play your cards well and know the right people, you might get far. But you can’t just play at your local pub and expect to get somewhere, you need to get gigs outside your hometown.

Palco Local: How is the metal scene there? Is this a strong style in Norway?

Vorbid: Pretty scarce. There are 3 good metal bands in our hometown, and we play three different subgenres of metal. Thrash metal isn’t a big thing in Norway, but we believe that if you play the music you play well, I doesn’t matter what genre it is. People will dig it.

Palco Local: What kind of material Vorbid already has released?

Vorbid: We released our first official “somethng” August of 2016. A selftitled EP that you can find on spotify, tidal and itunes or order from our facebook or mail. We also recorded some demos on a budget sometime in 2015. The demos were three songs that you can find on our youtube, although I think one of the songs where removed because of copyright (yeah, I don’t get it eather).

Palco Local: Did you play out of Norway? Would you think or like go to Brasil for a show?

Vorbid: We would love to go to Brazil, though I’m not sure we’ve played out Norway yet. Give us a year or two.

Palco Local: What are the ways to find Vorbid? Socials networks and stuff…

Vorbid:

Facebook: https://www.facebook.com/Vorbidband/
Youtube: https://www.youtube.com/user/VorbidOfficial
Spotify: https://open.spotify.com/album/4VYjgIzkRxtwPJQ7tMh392

DEIXE UMA RESPOSTA