Reggae

Dall
Rio Grande do Sul
,
Banda autoral de Porto Alegre (RS).
O conceito da Dall é a mistura de rock, reggae e funk a elementos experimentalistas e letras filosóficas. Tudo, entretanto, sem pomposidade, buscando a máxima sofisticação na simplicidade e alegria.

Mistura de rock, reggae e funk, associada a toques de experimentalismo e letras filosóficas. Esta seria a síntese da proposta da banda Dall, formada recentemente em Porto Alegre. Entretanto, diz-se na filosofia que atrás das aparências estão as essências.
Para mais além de uma mera mistura, está a intenção de buscar a unidade por trás da pluralidade da música, em toda a sua variedade de gêneros, ritmos e timbres. Assim, variações de tempo, de guitarras limpas e sujas e de baixos melódicos e agressivos, tudo na mesma faixa, fazem parte da estrutura das músicas da banda, que por sua vez procura dar sentido e unidade a isso tudo.
Nascida inicialmente de um projeto solo de Rodolfo Deon Dall’Agno, a Dall passou a constituir-se como banda a partir da entrada de Filipe Ghizi (baixo), Eduardo Coelho (bateria) e Rafael Martinenco (guitarra e teclado). A partir de então, a pluralidade não se restringiu apenas a proposta musical, mas também aos integrantes. E foi só assim que despertou.

Facebook
55 54 99974-6589
Porto Alegre
1970
Atualmente
Elohim Guanacoma
Paraná
Integrante da banda ERA! agora decide agregar uma carreira solo, e parcerias que fazem e farão parte de muitos projetos.

Em 2013 surgiu uma banda chama ERA! fundada em parceria com Elohim Guanacoma e Ana Hommer que trazia espirito divertidos na forma de compor sua letra. Mas lidar com pessoas sempre foi e será um problema, tudo parte da química e com a música não é diferente. Algum tempo se passou até chegar a um formação excelente. Mas o intuito de se fazer um trabalho solo é justamente para facilitar a propagação do trabalho.
Eu nasci em Porto Velho capital de Rondônia, no norte do Brasil. Aos 4 (quatro) anos já estava ganho prêmios de canto na igreja, mas nunca imaginei que me dedicaria a música futuramente. Só 15 anos depois que o destino pôs Ana Hommer em meu caminho e assim me firmando de vez a música o que me trouxe uma experiencia maravilhosa. Isso me revelou uma habilidade que imaginava que tivesse – escrever.
Com a apresentação do meu trabalho a poucas pessoas já foi o bastante para ter um bom feedback com direito aos olhares de dois radialistas, dois diretores do SESI e da fundação cultural de Curitiba-PR. Isso junto com os poucos fãs que tenho é motivação o bastante para seguir com a carreira. Então aguarde cada trabalho que vai sendo lançado.

41987674673